Todos.

Esperando

Esperando a razão chegar, cegar os sentimentos que crescem no coração e parar a expectativa inútil que alimento a cada passo ao seu lado e em vão.
Esperando pelo dia em que tudo cairá, tudo encaixará e nos mostrará qual será o desenrolar dessa narrativa, dessa convivência infinita, dessa harmonia louca.
E que esse tempo possa apagar qualquer erro passado, possa trazer sorrisos negados e detalhar os momentos da forma mais mágica possível. Que esse tempo, tão exato e rotineiro possa bater ir e vir, repetir e não nos negar nada, não nos deixar esquecer absolutamente nada e fazer marcas infinitas nos nossos corações.
E que seja como for, se for pra ser que seja simples, exato e finito enquanto durar; por agora posso afirmar que é bom e sendo assim não quero parar e me preocupar, apesar do medo; medo de me machucar.

Anúncios

15 thoughts on “Esperando”

  1. A Tai um dia me disse essa frase e eu não esqueço “O tempo não cura nada, o tempo só afasta o incuravel”
    Mas eu particularmente tenho um problema para aceitar q as coisas são finitas…
    Texto muito bom !
    *__*

  2. Palavras profundas e perfeitas, embora aceitar o finito não seja a minha vocação. Mas, suas palavras são as minhas.

    Ps.: você tem talento e eu te amo!

  3. “que seja como for, se for pra ser que seja simples, exato e finito”

    No fundo, todos nós procuramos isso.

    Você escreve bem. Gostei do seu universo, é tudo muito elegante por aqui!

    – Até o próximo post (:

  4. Bequinha,

    O medo dá medo mesmo, por isso não é nada bom cultivar esse temor dentro de nós. Viva os dias com alegria, saiba valorizar o sorriso dos momentos sinceros e mágicos.

    Beijo imenso, menina linda.

    Rebeca

  5. Muito lindo o texto,
    como algumas pessoas já disseram acima, eu tbm tenho dificuldades em aceitar o fim… as vezes fico remoendo histórias, no desejo de que elas realmente sejam infinitas..

    Bjos,

  6. A razão já enxerguei…
    Fiquei cega diante dos sentimentos…
    Meu coração não ficou na expectativa, se alimentou em vão…
    Não fiquei esperando, apenas mergulhei num mar de amor e que depois se tornou uma piscina vazia…
    Com o passar do tempo, apaguei o passado…
    Não tinha medo de me machucar, também não esperei por nada, mas durou no tempo certo!

    Gostei do seu blog.
    Obrigada pela sua visita, volte sempre, beijos…

  7. Eu sinto tanto medo, medo de diversas coisas, mas raramente, medo de me machucar. Acredito que na vida, é impossível sobreviver muito tempo ileso, então, logo a dor é aceitável e necessária, pois aprendemos muito com ela. 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s