Todos.

Divagar, devagar

São tantos “cansei” que me perco ás vezes em achar no meio de tudo o que não perdeu o sentido. São tantos descasos, desencontros que é preciso muitas vezes fixar além da conta naquilo que ainda permanece. São tantas mortes súbitas, tantos desaparecidos que causa até confusão quando vejo que alguém ainda está aqui. São tantas listas que sobrevoam, tantos números que definem, tantas descrições que sobrepõe que as vezes fica complicado respirar, e este não passou de uma tarefa da qual tenho que executar uma vez atrás da outra, incessantemente; meu corpo cisma em ressaltar a importância desse gesto, sutil necessário, e as vezes sem sentido! A vida não passa de ponto de vista, e o meu nesse caso importa mais que o seu, que está aí silenciado; e o de quem grita aos quatros ventos numa rua lotada, importa mais que a minha que fica presa nesse espaço sem receber acesso, sem ser lido; e aquele do coração suprimido vale tanto ou menos que o meu que ainda insisto em colocar pra fora, e assim segue o fluxo, numa constante rotação sem nexo, onde tudo não passa de como veremos o ponto seguinte, e como ficaremos diante dele, bem ou mal, felizes ou tristes; que no final acaba não importando tanto, porque não incomoda e não dói, e só apetece a quem sente. E quando tudo passa diante dos nossos olhos como um momento final, como um último movimento de respirar é que damos o tal ‘valor’ aos pontos de vista, aos gritos, aos suprimidos, ao todo que nos envolve; mas tudo passa, quando a integridade é recuperada, a vida é reconquistada e o fluxo continua sem nem mesmo perceber se estamos ali, ou se deixamos de estar.

ass

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s