Todos.

Todo mundo carrega dentro do peito uma dor ou outra que define quem é, que caminha pesando os pés, que procura uma saída e a alma caleja a qualquer tentativa. Eu sei, todo mundo tem uma saudade de um sorriso que não recebeu, de um abraço que ficou só no desejo, de um sonho que não realizou e que por não querer enfrentar que ele não acontecerá acaba adiando e colocando como último na lista de prioridades. Todo mundo tem algum receio que justifica alguma atitude e acaba sempre estampando na cara um aviso de “não mecha comigo você não sabe o que tem aqui dentro” e continua caminhando…Todo mundo tem, tem algo pelo que chorar, uma saudade ao qual se lembrar; uma história pra contar, um amor pra recordar, todo mundo tem algo que profundamente é guardado hora querendo não encontrar, hora querendo expor ao mundo.

Das coisas que todo mundo tem, eu tenho não em dobro nem pela metade simplesmente tenho na medida, a exata medida que me dói mais! Soam sorrisos que nunca vi abraços que não recebi, amores que não vivi; soam histórias de mim; histórias minhas, de outrem, histórias que não fazem da minha alma janela de sorrisos. Das coisas que carrego algumas me pesam mais, outras latejam mais e várias que ficam pelo caminho impedindo minha passagem! Já me vi sentada, já me vi parada, já me saltando e fingindo que não acontece, que não conhece, que não dói; já me vi fingindo e dessa forma eu cheguei até aqui. Procurei satisfazer a vida que queria ter sonhando, e cai. Procurei saltar os problemas, fugir das intrigas, desviar dos enganos e eles me derrubaram.. Enxuguei lágrimas, fiz nascer sorrisos enquanto dentro de mim haviam temporais. Almejei o melhor e plantei a semente da felicidade no coração de cada um, esqueci de mim. Passei por cima dos meus sentimentos, escondi das minhas falhas, doei amor e fui rejeitada! Observando eu lembro de vários cadernos impregnados de palavras como essas que escrevo hoje; lágrimas em forma de parágrafos soltos ao vento sem ninguém pra observar; sento-me hoje e quando olho pela janela, vejo uma menina sofrendo, uma mulher machucada pelo tempo, pelas pessoas,pelos sonhos; uma mulher incapaz de mudar, calejada, semi-morta! Quando olho pela janela, não consigo descrever palavras de felicidade, versos daquela saudade boa, não carrego em mim lembranças saudáveis da vida que vivi. O resultado dessa matemática é bem simples, não há saldos positivos que salvem as quantidades de verdades negativas dentro de mim, não há resultado positivo que faça viver numa equação perdida pelo tempo… Diversas vezes nos momentos em que minha saúde física estava bem ruim eu me vi pedindo pra Deus pra não me deixar morrer, pra me salvar de qualquer mal ali porque eu queria viver, porque eu tinha muito o que viver de fato eu queria, queria ver minha vida mudar e eu conseguir finalmente ser feliz! Mas hoje eu vejo que o tempo pode passar o quanto for, minha saúde mental não deixa mentir a realidade que vivo dentro de mim e por essa razão eu não sei até onde conseguirei ir. Por vezes também não sei o quanto estou disposta a “pagar pra ver” se tudo que se passa agora vai virar memória e eu vou conseguir me livrar disso; as respostas podem me doer ainda mais do que essa realidade que eu vivo e talvez seja fatal (sim eu nunca menti, que tenho medo de viver). É bem triste olhar pro lado e não conseguir sorrir, saber que o dia acabou e você não fez nada do que você queria ou nada que surpreendesse seu dia. É bem triste olhar pro lado e não ver ninguém sentado ali te esperando pra ouvir do seu dia, pra compartilhar dos seus sonhos pra te dar um abraço que seja; triste olhar pro lado e não conseguir se alegrar de onde você está, de como você está! Me pergunto até onde eu vou conseguir ir. Caminhar tem se tornado dolorido…estou doente, eu sei mas simplesmente não consigo parar! Me julguem fraca, talvez eu realmente seja, e sinceramente não quero saber se você acha isso bom ou ruim, e se for melhor pra você lembre de mim assim, a história mal acabada, a lágrima caída, o sorriso esquecido; lembre de mim assim, caída; eu realmente não me importo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s